Sinais e Sintomas - Prevenção Precoce.jpg

Reconstrução Mamária

A reconstrução mamária é um procedimento importante e cada vez mais adoptado devido à sua importância no processo de recuperação da mulher, permitindo melhorar a sua  autoestima e a  qualidade de vida.

Reconstrução

A mama faz parte da identidade feminina da mulher e uma cirurgia nesta região significa, muitas vezes, uma mutilação extremamente dolorosa, tanto do ponto de vista físico quanto psicológico. 

A reconstrução mamária tem uma grande importância para recuperar a autoestima e permitir que a mulher retome a sua vida pessoal e social em pleno, evitando alterações posturais.

O ato cirúrgico pode ser realizado a partir de retalhos musculares removidos da região dorsal ou abdominal, uso de próteses e expansores, ou outras procedimentos.

Fisioterapia no Pré-operatório

A fisioterapia deve iniciar no pré-operatório, de modo a prevenir e aconselhar sobre possíveis complicações que possam surgir. 

Com uma avaliação pré-operatória é possível conhecer alterações pré-existentes e identificar possíveis fatores de risco.

Fisioterapia no Pós-operatório

O pós-operatório da reconstrução mamária é a próxima fase na sua recuperação. 

A fisioterapia tem um papel importante e primordial, com os seguintes objetivos:

- Recuperação da região doadora do retalho;

- Reeducação das cicatrizes - prevenção de aderências e retrações;

- Promover posturas corretas e adequadas;

- Prevenção e controle de edema das regiões envolventes;

- Recuperação dos movimentos e da força muscular;

- Diminuição da dor e alterações de sensibilidade;

- Diminuição de contraturas e aderências das próteses;

- Prevenção de complicações como seroma e trombose linfática superficial;

- Ensino de cuidados nas atividades de vida diárias e pele;

- Orientação de programa de exercícios diários. 

Sinais e Sintomas - Prevenção Precoce.jpg

Estamos aqui para

acompanhar...

cuidar...

informar...